Pôr-do-Sol nas Redes Sociais - Curta-nos! Siga-nos!

terça-feira, 17 de abril de 2012

Pôr-do-Sol Unebiano vai ao encontro da MaCRo

Ousadia. Essa foi a palavra que definiu a quarta edição do Projeto de Extensão Pôr-do-Sol Unebiano. A edição, que aconteceu no dia 15 de Março de 2012, marcou a volta do Projeto, depois de um breve recesso entre os semestres letivos e, também, foi caracterizado pela ousadia de colocar a Universidade para sair de si, sair de dentro do espaço acadêmico, além de falar sobre mulheres.

Para poder se aproximar da comunidade, ir ao encontro do público, a equipe do Pôr-do-Sol Unebiano contou com a parceria da Casa de Cultura Maria Claudia Rodrigues – MaCRo que disponibilizou o espaço onde viveu a poetisa, atriz e militante cultural Maria Claudia para que o Sol voltasse suas atenções para “A poética do feminino na poesia baiana: uma homenagem à escritora Macária Andrade” com a mediação do escritor Ricardo Vidal.

Como marca registrada das atividades, os trabalhos foram iniciados com um momento reservado para a arte e que, dessa vez, ficou sob o comando de Ana Tellechea que cantou sucessos de Caetano Veloso e Cássia Eller, acompanhada de Matheus Santana na guitarra e de João Marcelo no violão, sendo que este, ainda, musicou um poema inédito de autoria de Maria Claudia.

Março é o mês que as mulheres mais recebem homenagens, devido ao dia internacional da mulher (dia 08), em virtude disso o Projeto resolveu homenageá-las também, mas de modo diferente: através da poesia e com um homem à frente. Durante o bate-papo, o mediador Ricardo Vidal citou diversas poetisas baianas e a representação da alma feminina nas poesias de diversos autores, sempre com pausas para que o ator e poeta, Adriano Pereira, entrasse em cena declamando algumas poesias.

A edição foi traduzida para a Língua Brasileira de Sinais – LIBRAS e contou com a participação de diversos segmentos da sociedade valenciana, nessa homenagem às mulheres de todo o mundo e, principalmente, às mulheres de fibra que viveram/vivem na cidade e lutam por uma Valença melhor, por uma cidade decidida a ser de paz e progressos.















Nenhum comentário:

Postar um comentário